Maça do Amor | Prato Único - X Receitas

Maça do Amor



12 Porções
Tempo: 2 h 5 min
Ingredientes:
  • 1 colher de sopa de Corante vermelho (em pó)
  • 12 maçãs
  • 240 militros de Água
  • 2 xícaras e meia de Açúcar
  • 1 colher de sopade Vinagre

Publicidade

Modo de Preparo:
  • Primeiramente, é necessário lavar e secar cuidadosamente as maçãs. Em seguida, espete um palito de picolé ou churrasco em cada maçã, na parte do cabinho, e reserve.
  • Para preparar a calda, coloque em uma panela de fundo grosso o açúcar, a água, o vinagre branco e o corante em pó, misturando bem. Leve a panela ao fogo baixo, sem mexer, e deixe cozinhar por cerca de 20 minutos.
  • Após esse tempo, comece a testar o ponto da calda. Se possuir um termômetro culinário, a temperatura ideal é de aproximadamente 145ºC. Caso não tenha um termômetro, faça um teste simples: pegue um pouco da calda com uma colher e jogue em um copo com água. Observe a consistência e o comportamento da calda.
  • Quando a calda estiver no ponto desejado, retire a panela do fogo e aguarde de 1 a 2 minutos. Em seguida, mergulhe cada maçã na calda caramelizada, cobrindo-as completamente. É importante agir rapidamente, pois a calda endurece rapidamente.
  • Deixe as maçãs secarem em um tapete de silicone ou em uma superfície lisa untada com manteiga. Esse processo pode levar alguns minutos.
  • Para finalizar, você pode embalar as maçãs caramelizadas em papel celofane e decorá-las conforme sua preferência. Assim, você terá deliciosas maçãs caramelizadas no palito prontas para serem apreciadas.
  • Lembre-se de aproveitar essas delícias doces em momentos especiais e compartilhar essa receita com seus amigos e familiares.

Publicidade

Curiosidades Sobre a Receita

A maçã do amor é um doce irresistível que se tornou uma verdadeira tradição nas festas juninas. Originada em São Paulo, Brasil, a maçã do amor foi inventada por José Maria Farre Angles, um imigrante catalão que enfrentava dificuldades financeiras após sua chegada ao país em 1954. Em busca de uma forma de sustento, ele teve a ideia de cobrir maçãs com uma calda vermelha cristalizada.

A inspiração para a criação da maçã do amor veio da técnica de caramelizar frutas, comumente realizada na China. A maçã, por ser abundante no Brasil naquela época, foi a escolhida para receber essa deliciosa cobertura. A cor vermelha vibrante e brilhante conquistou a todos, e os homens logo adotaram a tradição de presentear as mulheres com as chamadas “maçãs do amor”, um gesto romântico que se tornou popular.

A maçã do amor recebeu esse nome em função do seu sabor envolvente e irresistível, que encanta tanto os apaixonados quanto os apreciadores de doces. Em 1959, a família espanhola Farre patenteou a receita, consolidando ainda mais a presença desse doce nas festividades juninas. A data preferida para compartilhar essa iguaria é, sem dúvida, o Dia dos Namorados, criando uma atmosfera ainda mais romântica.

Além do seu apelo romântico, a maçã do amor também é uma opção deliciosa para alegrar as festas juninas. Seu visual atrativo, com a maçã envolta em uma camada de calda vermelha brilhante, desperta a curiosidade de crianças e adultos. O sabor doce e caramelizado da calda contrasta com o frescor da maçã, criando uma combinação perfeita de sabores e texturas.

Embora seja um doce irresistível, é importante lembrar que a maçã do amor deve ser apreciada com moderação, como ocorre com muitas tentações na vida. No entanto, as maçãs são uma excelente fonte de fibras, vitaminas e antioxidantes, trazendo benefícios para a saúde. Essa receita deliciosa pode ser apreciada como uma indulgência ocasional em meio às celebrações juninas.

Agora que você conhece a história e a importância da maçã do amor nas festas juninas, que tal experimentar essa delícia em sua próxima comemoração? Surpreenda seus convidados com essa iguaria que é um verdadeiro símbolo de romance e diversão. Compartilhe momentos especiais e saboreie essa doce tradição que encanta a todos.


Publicidade

Dicas Adicionais:

Como saber quando a calda está pronta?

Utilizar um termômetro culinário (145ºC) ou realizar o teste simples jogando um pouco da calda em um copo com água.

Como embalar as maçãs caramelizadas?

Em papel celofane.
Qual vinagre devo utilizar?

De Preferencia o de álcool ou de maçã.




Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe:
Rubem Alves

Outras Prato Único


Como Fazer Maça do Amor?

Como Fazer Paella?

Paella

Suflê de Frango

Publicidade

Mais Recentes


Mousse trufada